quinta-feira, 12 de abril de 2012

JUNTANDO-SE AO CAMINHO ESPIRITUAL

quinta-feira, 12 de abril de 2012


Muitas emoções movem o coração humano quando ele resolve dedicar-se ao caminho espiritual. Este pode ser um motivo "nobre" - como fé, amor ao próximo, ou caridade. Ou pode ser apenas um capricho, o medo da solidão, curiosidade, ou o medo da morte. Nada disso importa. O verdadeiro caminho espiritual é mais forte do que as razões que nos levaram a ele e aos poucos se impõe, com amor, disciplina, e dignidade. Chega um momento em que olhamos para trás, lembramos do início de nossa jornada, e rimos de nós mesmos. Conseguimos crescer, embora nossos pés percorressem a estrada por motivos que eram muito fúteis. Deus costuma usar a solidão para nos ensinar sobre a convivência. Às vezes usa a raiva para que possamos compreender o infinito valor da paz. Em outras vezes usa o tédio, quando quer nos mostrar a importância da aventura e do abandono. Deus usa o silêncio para nos ensinar sobre a responsabilidade do que dizemos. Às vezes usa o cansaço para que possamos compreender o valor do despertar. Em outras vezes ele usa a doença para nos mostrar a importância da saúde. Deus usa o fogo para nos ensinar sobre a água. Às vezes usa a terra para que possamos compreender o valor do ar. E às vezes usa a morte, quando quer nos mostrar a importância da vida.
Lembre-se disto quando, por algum motivo você se sentir incapaz de continuar em seu caminho.


[Paulo Coelho]


fonte http://paulocoelhoblog.com/2012/01/27/joining-the-spiritual-path/

2 bilhetes:

Nina Dias disse...

Lindo Gi! bjs e bom dia! Nina

cris photos disse...

Sábias palavras , bjus

 
[MUNDO DA GISLENE] © 2008. Design by Pocket