segunda-feira, 28 de março de 2011

OS DESASTRES NO JAPÃO

segunda-feira, 28 de março de 2011

[Atualmente Lee Carroll se encontra na Espanha e envia esta mensagem de KRYON para todos.
15 de Março de 2011]

Saudações, queridos, eu sou Kryon do serviço Magnético. Há muito medo no ar neste momento, e eu gostaria de lhes oferecer esta mensagem de esperança. Em janeiro eu lhes disse que a numerologia deste ano é um quatro (4). Este é o número de GAIA… de todas as coisas que se referem à Terra. Inclusive lembrei-os de que o peso da água está sendo redistribuído do gelo das capas polares para os oceanos, à medida que o gelo continua a derreter. E que isto resultaria em mais terremotos e atividades vulcânicas. Aqui está um trecho dessa canalização:

“Agora dizemos outra vez: esta não é uma punição para a humanidade. As coisas que hoje estão acontecendo no planeta não têm a intenção de ser o passo final de Gaia, com a finalidade de matar civilização humana. Digo isto porque, neste exato momento, esta mensagem está nos lábios daqueles que querem impressioná-los, aterrorizá-los, deixá-los com medo. Isto não é o que está acontecendo. O que está ocorrendo neste planeta é uma mudança que vai criar um planeta que durará muito tempo, permitindo-lhes o que vocês precisam…” [http://www.kryon.com/k_channel11_boulder.html]

Agora, de repente, o mês do três (março) está aqui. O três representa o catalisador. Um catalisador é uma coisa que acontece e que pode mudar alguma outra coisa. Qualquer pessoa que lide com numerologia devia estar esperando que Gaia se movesse neste mês, bem como no mês do 5 (maio) que virá em seguida.

Aqueles que vivem no doce país (Japão) e receberam este desastre não são o alvo de Deus. Eles simplesmente se estabeleceram num lugar que sempre esteve preparado para as mudanças de Gaia e é sensível a atividades vulcânicas e terremotos. Assim como suas contrapartes da América do Sul, este é o lugar que eles escolheram para viver. A compaixão gerada por este evento é considerável. Inclusive canalizei recentemente que é a compaixão que cria mudança significativa neste planeta. E vocês estão começando a ver isto.

1. Dêem-nos um instante para relembrá-los também que o Espírito não sabe mais do que vocês quando esses eventos estão chegando. Tudo que temos são potenciais baseados na consciência Humana e nos sinais energéticos ao redor deles. Sabíamos que o terremoto da América do Sul chegaria logo e dissemos isto no Chile, um ano antes do evento. O terremoto do Japão foi semelhante, no sentido de que os potenciais estavam lá, e também da numerologia. Mas os detalhes destas coisas são absolutamente desconhecidos pelo Espírito, e poderiam ter decorridos muitos anos antes que ele ocorresse deste jeito… ou talvez nem ocorresse. Isto porque demos à Humanidade a ferramenta da consciência sobre a matéria. Suas mudanças determinam tudo.

Queridos, enviem energia de compaixão àqueles que vivem nessa ilha e ofereçam-lhes a força e determinação para fazerem surgir uma nação maior devido a isso. Ajudem a uni-los em amor e família, enquanto eles enfrentam a perda e a separação. “SEJAM” a família deles neste momento.

Saibam que cada um daqueles que fizeram a transição nos últimos dias sabia perfeitamente, no nível Akáshico, que havia o potencial de não durar além de 2011. Conversamos sobre isto muitas vezes antes. No vento do nascimento, são conhecidos os potenciais do que os Seres Humanos poderão fazer na Terra. Isto não é adivinhação do destino, mas uma medição do potencial. Como este era o potencial mais forte, esses lindos aspectos de Deus [estes Seres Humanos] entraram no planeta assim mesmo, como uma família espiritual, pronta para participar de um dos maiores desastres da sua década. Eles sabiam que isto mudaria muitas coisas. E realmente vai mudar.

Celebrem a vida deles e saibam que TODOS eles estão no Lar. Agora, enviem energia àqueles que foram deixados aqui na Terra, para que possam encontrar paz no fato de aqueles que eles perderam terem feito algo maravilhoso para o planeta. Eles aumentaram o nível de compaixão da grade cristalina. Eles fizeram a parte deles, e deixaram vocês para que façam as suas.

2. Percebem agora o que eu venho lhes dizendo há mais de dez anos sobre as formas alternativas de gerar eletricidade? Este único evento vai interromper seus programas nucleares por anos. Então agora é o momento de reverem o que eu disse:

O Espírito não julga a humanidade. Os Seres Humanos são livres para fazer o que escolherem com base na consciência que desenvolveram através de suas próprias vibrações. Entretanto, durante anos nós lhes falamos sobre modos alternativos muito viáveis de criar energia para todas as suas cidades. Fizemos isto várias e várias vezes, e vocês podem encontrar essas canalizações em todo o meu trabalho. Talvez agora saibam porque me concentrei nesta questão, pois este único terremoto está lhes mostrando o perigo que vocês enfrentam, num nível global, ao continuarem no caminho nuclear. Ouçam: vocês NÃO precisam mais desta tecnologia. Ela não será boa para vocês.

A energia nuclear é uma forma muito cara e perigosa de criar uma máquina de vapor. Pois uma usina nuclear é simplesmente isto… um modo de criar vapor. Dizemos-lhes mais uma vez que vocês podem usar os fundos que usariam para construir uma usina nuclear para pesquisar formas muito melhores de gerar eletricidade, que não sejam perigosas e não provoquem quase nenhum impacto ambiental:

A. Energia geotérmica. Existe calor debaixo dos seus pés em abundância. Vocês podem criar todo o vapor que quiserem para sempre. Lembrem-se que existem alguns novos fluidos exóticos que entram em ebulição mais rápido que a água, portanto o calor não precisa ser o que vocês pensam. Se este desastre tivesse ocorrido numa usina geotérmica, o pior que teria acontecido seria a destruição dela. Neste caso, vocês construiriam outra.

B. Milhares de toneladas de energia “empurra-puxa” por hora, numa linha de tempo constante [as marés] estão à disposição de vocês nas linhas costeiras. Esta nação-ilha é perfeita para a energia gerada por marés e ondas. Neste caso também, o pior que teria acontecido a estas usinas seria a necessidade de reconstruí-las. Não haveria perigo nenhum para aqueles que vivessem ao redor delas.

Vocês vão aproveitar este evento que vai transformar o mundo para finalmente enxergarem estas opções como reais e viáveis? O desastre nuclear foi criado para vocês pararem e mudarem de direção. Só o tempo dirá se valeu a pena. Mas geralmente muitos desastres precisam ocorrer antes que a Humanidade enxergue o que sempre esteve diante dela… a promessa de algo melhor.

As maiores cidades da Terra se encontram junto ao oceano, situação perfeita para esta opção de geração de energia. Mas isto não tem sido visto desta forma, e os potenciais também não têm se realizado. Pensem grande! Reúnam as melhores mentes e criem um novo cenário para aproveitar o que GAIA lhes tem dado… a força das marés e dos oceanos para sempre, exatamente onde vocês mais precisam dela!
Este é o momento de criarem o próximo passo…

Oferecido com amor… sempre,

KRYON

=o=o=o=o=o=o=o=o=o=

A informação é gratuita e disponível para impressão, cópia e distribuição. Seus Direitos Autorais, entretanto, proíbem a venda sob qualquer forma, exceto pelo editor.



Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br

=o=o=o=o=o=o=o=o=


Se a provação te busca,
Não te rebeles.Ora.

Talvez não obtenhas
O que rogues ao Céu.

Perceberás, porém,
A vida transformar-se.

Brotar-te-à no ser
A luz do entendimento.

Ouvirás em ti mesmo.
A voz da compreensão.

E notarás que dor
É uma bênção de Deus.

[Emmanuel/ Francisco Cândido Xavier]

2 bilhetes:

Nina Dias disse...

Gi, cada vez mais, a certeza que a mudança está acontecendo é forte! bj Nina

ValériaC disse...

Gislene minha querida, que bom que voce postou a mensagem do Kryon(adorooo ele),trazendo vários esclarecimentos quanto as situações que acometem Gaia... eu já tinha lido antes; sensacional compartilhar conosco e de certo modo apresentá-lo a quem não o conhece.

Minha querida tenha uma feliz semana...beijinhos
Valéria

 
[MUNDO DA GISLENE] © 2008. Design by Pocket