domingo, 24 de abril de 2011

A REAL FRATERNIDADE

domingo, 24 de abril de 2011

"Jesus de Nazaré, numa atitude incomum em seu tempo, demonstrava apreço e respeito aos excluídos e discriminados, oferecendo igual atenção às diferenças de classes sociais e sexuais; aos ladrões, às prostitutas, aos adúlteros, aos cobradores de impostos. Não fazia acepção ou escolha em favor de pessoas por sua classe social, título, sexo, nacionalidade.


O Mestre deixou claro que, para Deus, não havia eleitos – o reino dos céus era uma conquista comum a todos aqueles que cultivassem o amor a Deus, ao próximo e a si mesmo. Essa convicção é que levou Paulo de Tarso a afirmar aos cristãos da igreja da Galácia: "Deus não faz acepção de pessoas".


[Do livro "Os Prazeres da Alma" – Espírito Hammed,
médium Francisco do Espírito Santo Neto]

4 bilhetes:

Nina Dias disse...

Gi, com suas mensagens carinhosas e sábias joga sempre uma sementinha nos nossos corações! paz e harmonia em seu lar, e que Jesus lhe dê uma feliz páscoa! bj Nina

Cantinho She disse...

Feliz Páscoa Gi! Bjo, bjo

Cecilia e Helena disse...

Que lindas palavras! Bela mensagem!
Um abraço carinhoso da Cecilia.

LUCONI disse...

NOSSA MENINA COMO ME FEZ BEM VIR AQUI, ESTA E A PENÚLTIMA POSTAGEM QUE LI MUITO BEM ME FEZ, É A MAIS PURA VERDADE JESUS SÓ QUERIA A FRATERNIDADE SEM DISTINÇÃO, O AMAR AO PRÓXIMO,PENA QUE A MAIORIA NÃO ENXERGA ISSO E FICAM DISPUTANDO PODER ATRAVÉS DE SUAS RELIGIÕES,UMA VERGONHA, UMA TRISTEZA, BEIJOS LUCONI

 
[MUNDO DA GISLENE] © 2008. Design by Pocket